Artigos, Editorial, Notícias, Notícias da paróquia › 19/11/2016

Imprimir

Os 400 anos de Carisma Vicentino

400 anos do carisma inspirado por Deus em São Vicente de Paulo

A família vicentina festeja seus 400 anos de carisma. Ocasião em que o Padre Gregory Gay (então Superior Geral da Congregação da Missão), na festa de Pentecostes de 2015, enviou uma mensagem aos vicentinos: “Nós fechamos o ano da colaboração Vicentina e começamos a celebração do aniversário de 400 anos do nascimento do carisma vicentino a partir de janeiro de 2017.

A Família Vicentina comemora os 400 anos de instituição do carisma dela inspirado em São Vicente de Paulo (1581-1660). Foi o santo que em 1617 fundou a instituição Damas da Caridade, o primeiro Ramo Vicentino que, depois, abriu as portas para a criação de muitas outras entidades, a exemplo da Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP).

Os 400 anos nos coloca diante dos dois lugares teológicos onde Vicente de Paulo viu os traços de Deus na sua vida e iniciou as obras de caridade:

25 de janeiro de 1617: quando Vicente estava no feudo de Folleville, perto de Amiens. Foi chamado à casa de um camponês, considerado por todos uma pessoa boa, mas na confissão mostra-se o contrário, e leva Vicente a descobrir a pobreza espiritual do povo camponês e a ignorância e a falta de empenho do clero para com esse povo pobre. Por isso, nessa data, exorta o povo à confissão. A celebração da conversão de São Paulo, 25 de janeiro, data considerada, por ele mesmo, como a PRIMEIRA PREGAÇÃO DA MISSÃO (SV XII, 112-113);

20 de agosto de 1617: quando sai da casa dos Gondi e vai para Châtillon-les-Dombes, perto de Lion, como pároco, indicado por Berulle. Nesse local havia seis padres que não faziam nada pelo povo. Estava para começar a missa, quando vieram dizer que numa casa todos estavam doentes e não tinham o que comer. Aqui Vicente se depara com a pobreza material. Na homilia, disse que Cristo estava lá e que deviam ir encontrá-lo. Podemos chamo-lo de PREGAÇÃO SOBRE A CARIDADE. Emocionadas as pessoas foram levar alimentos, mas desorganizadamente, vê que isso não basta. Propôs-lhes formar um grupo para assistir os pobres doentes da aldeia, nasciam as “Companhias da Caridade”. Surge a noção de Igreja como lugar da caridade (cf. SV XIII, 429).

Explicação do logotipo para os 400 anos do carisma vicentino400-anos-carisma-vicentino

Padre Cerqueira A. Trujillo compartilhou e explicou o logotipo para os 400 anos do carisma vicentino:

O círculo é a figura básica do logo, significa o mundo, a história, a vida, etc.. Este círculo é formado por diferentes linhas que estão organizadas de uma maneira “radiante” em diferentes cores (vermelho, verde, azul) …

Estas linhas ou raios simbolizam as consagrações, grupos e associações fundadas com o carisma vicentino. Também simbolizam a sociedade com suas imperfeições e alegrias, esperanças e cansaços.

Este círculo é uma relação entre duas estrelas que recordam dois “lugares teológicos”, onde São Vicente de Paulo viu as marcas de Deus em sua vida e que por suas palavras converteram em acontecimentos importantes: Folleville-Gannes e Châtillon-les-Dombes.

As estrelas: seu lugar recorda a localização em território francês. Estão unidos por uma cruz de luz que recorda a Ressurreição e Pentecostes.

A cruz recorda que sempre é um signo de um novo Espírito que nos habita e nos convida a viver como Família Vicentina, em nosso mundo, razão pela qual o rosto de São Vicente se encontra na interseção da cruz.

“São Vicente de Paulo, rogai pela Família Vicentina e por todas as obras de caridade de nossa Igreja!”

Fontes:

Obras Completas de São Vicente de Paulo.Volume XII e XIII.

http://www.secretariadojmv.org/pt/jmv/explicacao-do-logotipo-para-os-400-anos-do-carisma-vicentino

http://asvp.org.br/aniversario-de-400-anos-do-carisma-vicentino-sera-comemorado-com-reflexoes-em-apoio-aos-estrangeiros/

http://pt.ssvpglobal.org/Noticias/Noticias-do-CGI/A-familia-vicentina-festeja-seus-400-anos-em-2017